Reportagem do jornal Valor destaca retorno econômico do Formare

A Fundação Iochpe e a Fundação Getulio Vargas (FGV) desenvolveram uma metodologia para calcular o custo benefício do Programa Formare. Da parceria entre as duas instituições, nasceu uma ferramenta que mede o retorno econômico-financeiro que o projeto social pode gerar para a empresa parceira.

O retorno sobre investimento (ROI) do Programa Formare foi destaque de uma reportagem do jornal Valor Econômico, que trouxe o exemplo da fábrica de Jundiaí (SP) da multinacional Siemens, parceira do Formare desde 2012.

Segundo a matéria, a Siemens investiu R$ 350 mil em um ano no programa social, mas conseguiu apurar resultados de R$ 700 mil, tornando a adoção do Formare uma iniciativa lucrativa.

Assista à reportagem agora.